quinta-feira, 10 de março de 2011

Dia do Telefone - 10 de março

Levado a público pela primeira vez em 1860, o “telégrafo falante” – invenção de Antonio Meucci – foi a primeira versão conhecida do que viria a se tornar o telefone. Mas, uma década depois, Alexander Graham Bell compraria os direitos do invento e, a partir de seu aperfeiçoamento, seria conhecido como o “pai do telefone”.

Há exatos 135 anos, a primeira transmissão elétrica de mensagem completa foi realizada por Graham Bell, e por isso o 10 de março ficou conhecido como Dia do Telefone.

Antigamente, o fato de poder se comunicar com outra pessoa a uma distância razoável apenas pela voz era algo extraordinário. E mesmo com o passar dos anos, a mecânica dos novos aparelhos telefônicos não era tão intuitiva como nos parece. Por isso, algumas empresas de telefonia chegaram a produzir comerciais explicativos, para que as pessoas pudessem aprender a usá-los.

video

Se antes, os telefones eram grandes, movidos à manivela, e as ligações dependiam de centrais telefônicas, hoje os aparelhos cabem na palma da mão, podem ser portáteis e conectam pessoas de todas as partes do mundo. Além disso, parte deles – em específico os celulares - passaram a ter mais funcionalidades e aplicabilidades com as mensagens/ torpedos, jogos, rádio, internet, mp3, câmera fotográfica etc.

De fato, não foi só a estrutura e conteúdo do aparelho que foram modificados. O significado social que essa tecnologia adquiriu ao longo do tempo é evidente. Segundo o IBGE, em algumas regiões, há mais casas que possuem acesso ao telefone do que saneamento básico ou coleta de lixo. Em média, 82% das residências brasileiras têm telefone. E se a casa não tiver um telefone próprio, os moradores ainda podem contar com os telefones públicos para se comunicarem.
 

Depois de tanto tempo do surgimento do primeiro telefone, que tal darmos uma olhada na evolução dos aparelhos ?

 
Em um modelo similar, Graham Bell realizou os primeiros testes em 1876.


 Cinco anos depois, já existiam empresas de telefonia responsáveis por terminais de paredes funcionando pela Europa.


 
Os modelos domésticos, como este, funcionavam a partir da energia gerada pela manivela acoplada a eles.



Capazes de interligar 25 linhas, antes do fim do século XX, telefonistas trabalhavam em terminais como esses.



O design desse aparelho é bem conhecido, devido a suas constantes aparições em antigos filmes policiais. O teclado a disco era sua novidade.



Outro modelo bem popular foi o Diavox. Um dos primeiros a trocar o disco por teclas.



 Os telefones sem fio vieram para libertar. Poder telefonar para alguém em qualquer cômodo de casa era a nova moda.



 Se os telefones sem fio libertaram, os celulares nos deram asas. O aparelho que originalmente era quase um "tijolo" de tão grande e pesado, hoje tem se tornado cada vez mais leve e compacto.



Não podemos nos esquecer do bom e velho orelhão. Afinal, ele já foi e continua sendo a salvação de muita gente na hora do aperto. Antigamente, funcionava com ficha, mas hoje basta inserir o cartão telefônico e ligar.


Diante de todo esse desenvolvimento tecnológico, a TeleListas.net não podia ficar de fora. Pensando nisso, o aplicativo TeleListas.net Mobile foi feito para facilitar sua vida e te ajudar a encontrar tudo o que você precisa em qualquer lugar. Nele você pode pesquisar por atividade, nome ou local do estabelecimento que procura, gerando, inclusive, o mapa e as instruções de como chegar lá. Você terá acesso a toda a base de dados da TeleListas.net, que inclui empresas, profissionais, pessoas e mapas de localização.


Nenhum comentário:

Postar um comentário