domingo, 30 de janeiro de 2011

Dia Nacional da Saudade


Este domingo, dia 30 de janeiro, é comemorado o Dia Nacional da Saudade. Apesar da mistura de sentimentos de incompletude, perda, falta e distância ser universal, não existe nenhuma palavra equivalente em outra língua que traduza a noção exata de saudade. Uma empresa britânica afirmou, baseada nas opiniões de mil tradutores profissionais, que a palavra “saudade” é a 7ª mais difícil de se traduzir. 


A palavra solidão, que na língua latina escreve-se “solitatem”, sofreu variações de pronúncia ao longo do tempo até chegar ao termo “saudade” (de solitatem passou a ser solidade, depois soldade e, finalmente, saudade).

A saudade tem um significado muito amplo, afinal, podemos sentir saudades de uma pessoa querida, de situações específicas, de algum lugar, de uma comida especial e até de um cheiro. Em um sentido mais geral, a saudade também resgata lembranças do passado, provocando nostalgia. Por isso, não podemos generalizar e dizer que o fato de sentir saudades gera tristeza. Pode trazer angústia de não termos mais o objeto da saudade, mas ao mesmo tempo, ser uma lembrança boa, aconchegante.

Enfim, as possibilidades que esse sentimento envolve são muito amplas. Talvez, isso explique o grande interesse de poetas e compositores com relação ao tema. Há tempos, ele é cantado por grandes músicos. E como matar a saudade é sempre bom, separamos algumas dessas músicas para você conferir.



Tanta saudade (Chico Buarque e Djavan)





Dor de verdade (Arlindo Cruz / Marcelo D2 / Zeca Pagodinho)




O dia da saudade (Raul Seixas)




Chega de saudade (Tom Jobim/ Vinicius de Moraes) 




[Fonte: Folha Uol; Brasil EscolaWikipedia]

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Life in a Day - a história de um único dia na Terra

Já parou pra pensar em quantas milhões de coisas diferentes acontecem no mundo em 24 horas? Neste exato momento, há pessoas nascendo, morrendo, trabalhando, dançando, cozinhando, rindo, escalando montanhas, saltando de paraquedas, nadando com tubarões, voando de balão, se apaixonando etc.

E se alguém juntasse isso tudo num filme? É disso que se trata o projeto Life in a Day, do diretor Kevin MacDonald – um documentário colaborativo, que tem como proposta mostrar os acontecimentos de um dia na Terra e as similaridades de pessoas tão diferentes ao redor do planeta.



Pessoas de todo o mundo foram convocadas a filmar suas vidas, no dia 24 de julho de 2010, e a enviar esses vídeos para o Youtube. O resultado obtido foi aproximadamente 80 mil clipes, totalizando 4.500 horas de material. Tudo isso foi editado e transformado em um filme de 90 minutos que mostra “uma visão rápida, honesta e inspiradora do nosso mundo”, segundo o Youtube. A direção ficou por conta do próprio MacDonald e a produção, do Ridley Scott.


O documentário só será lançado em meados deste ano, mas teve sua estreia mundial ontem, dia 27 de janeiro, no Festival de Cinema Sundance 2011, com transmissão ao vivo pelo Youtube.

Se você não sabia disso e não teve a oportunidade de ver, não tem problema! O Life in a Day será transmitido novamente, hoje, às 19h (horário de Brasília) pelo Youtube. Navegue pelo canal do filme e veja o trailer, cenas da estreia mundial e clipes enviados para o projeto.

Clique aqui para ver Life in a Day no Youtube


[Fontes: youtube.com/lifeinaday; Terra; G1]

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Volta às aulas - Cuidado com cobranças abusivas de material escolar

Todo início de ano, o bolso do brasileiro sofre. Dívidas atrasadas, despesas de fim de ano, impostos e várias outras contas se acumulam, deixando o orçamento apertado.

Nessa época, as famílias que possuem filhos também costumam gastar uma boa quantia com a volta às aulas. Antes de começar o ano letivo, as escolas costumam enviar aos pais listas com itens de material escolar a serem comprados. O problema é que muitas vezes as listas são enormes, além de possuírem itens que, por lei, não podem ser exigidos. 

Por isso, fique atento ao que é permitido constar nas listas de material escolar, além de algumas dicas para economizar na hora de comprar os itens.



Segundo o Procon, não é permitida a cobrança de itens de higiene pessoal, administrativos ou relativos a infraestrutura (taxas para suprir despesas de água, luz etc.), já que estes já estão inclusos no valor das mensalidades. Os estabelecimentos de ensino só podem exigir artigos que sejam de uso pedagógico do aluno, como: caderno, livro, lápis, caneta, borracha, apontador, etc. Com a ressalva de não haver determinação de local específico para a realização das compras, bem como a definição de marcas, pois isso configuraria “venda casada”, prática irregular que pode gerar processo administrativo e multas às instituições.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, também é considerada prática abusiva obrigar que o material seja comprado no próprio estabelecimento. A venda pela escola só é permitida, caso o material didático seja produzido por ela própria, sendo utilizado durante o ano letivo.

Caso haja alguma dúvida quanto a algum item em particular, a orientação é que o responsável pelo aluno questione a escola sobre a quantidade pedida e a utilização do material e, se possível, tente negociar.

Veja alguns exemplos de itens recorrentes nas listas de materiais escolares, que não podem ser pedidos:

-  Algodão
-   Canetas para lousa
-  Cartucho para impressora
-  Cola branca e de isopor (máximo de 2 unidades)
-  Copos descartáveis
-  Creme dental
- CD (exceto para instituições que não adotam    livros didáticos)
-  Fitas decorativas
-  Giz
-  Grampeador
-  Grampos
-  Lenços descartáveis
-  Medicamentos
-  Sabonetes
-  Papel higiênico
-  Papel ofício (só é permitida uma resma por aluno, mais que isso é abusivo)

Mesmo sem vários desses artigos proibidos, a lista do material escolar ainda pode ficar bem cara.

-          Antes de ir às compras, dê uma olhada nos itens que restaram do ano anterior e que podem ser reaproveitados.
-          Se for possível, reuna-se com outros pais para verificar materiais necessários a todos e comprá-los no mesmo estabelecimento. Algumas lojas oferecem descontos para grandes quantidades.
-          Quando for comprar o material, evite levar as crianças. Você pode não resistir a um pedido insistente pelos produtos que estão na moda, que geralmente são mais caros, ou aqueles desnecessários.
-          Pesquise! Não adianta comprar na primeira loja que entrar, pois na próxima pode estar mais barato. Uma outra boa opção é ir a feiras de livros ou procurar pontos de troca.
-          Preste atenção ao custo-benefício, pois nem sempre o material mais sofisticado é o de melhor qualidade, mais adequado e, principalmente, o mais em conta.
-          Não esqueça de pedir a nota fiscal, de preferência com a descrição item por item, pois, se houver algum problema com o produto adquirido, você precisará dela para realizar a troca.
-          Evite comprar de vendedores ambulantes. Além de não fornecerem nota fiscal e garantia, a qualidade do produto será sempre duvidosa.


Por fim, se você não puder adquirir todos os itens listados de uma vez, procure a escola e tente negociar. Você pode separar a lista em materiais de uso imediato e materiais para serem comprados ao longo do ano, seguindo o cronograma de atividades da instituição. Desta forma, você também irá evitar a compra de produtos desnecessários.


Encontre agora no TeleListas.net as papelarias, livrarias e lojas de material escolar mais próximas da sua casa.

 [Fontes: A TardeBom Dia BrasilG1]

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Conheça o novo documento de identidade - RIC

Este ano, cerca de 2 milhões de brasileiros poderão contar com a nova identidade. Lançada oficialmente no último dia 30 de dezembro, pelo então presidente Lula, o RIC (Registro de Identidade Civil) vai substituir gradualmente as atuais cédulas de identidade, ao longo dos próximos 10 anos.

O novo documento possui mecanismos de segurança que se encarregarão de evitar as fraudes e de unificar as informações pessoais dos cidadãos, inclusive com um número de registro único reconhecido nacionalmente.


O cartão é feito de policarbonato, com alta resistência e durabilidade. Por isso, a validade do documento passa para 20 anos, a partir da data da expedição; além de ser preparado para o processo de gravação a laser, que dificulta a alteração dos dados impressos. Ele traz ainda uma outra novidade: um chip.
Nele serão armazenados a impressão digital e os dados pessoais: nome, sexo, data de nascimento, filiação, naturalidade, assinatura digital, órgão emissor, data de expedição e validade, números de outros documentos (CPF e Título de eleitor), além de informações como altura, cor dos olhos e, se o portador desejar, alergias, tipo sanguíneo ou desejo de ser doador de órgãos.

O novo documento ainda não está disponível para solicitação. Somente os brasileiros selecionados pelo Ministério da Justiça que foram avisados via carta sobre a possibilidade de troca do RG pelo RIC poderão fazer a substituição.

Inicialmente, apenas cidadãos de sete cidades serão convocados: Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ), Ilha de Itamaracá (PE), Hidrolândia (GO), Nísia Floresta (RN) e Rio Sono (TO).

Esse ano, a emissão do RIC será custeada pelo Ministério da Justiça, não cabendo ao cidadão qualquer pagamento pela troca. Segundo o Ministério, o investimento no primeiro ano será de cerca de R$ 90 milhões. Para os próximos anos, o comitê gestor do RIC ainda não definiu a origem, nem o valor necessário para custear as emissões; sendo possível, inclusive, a formação de parcerias público-privadas e até financiamentos internacionais, dentre outras alternativas.

Ah! E não se preocupe, pois a implementação da nova identidade não compromete a validade dos demais documentos de identificação. Até a realização da substituição do documento por todos os brasileiros, as antigas identificações poderão ser usadas normalmente.


[Fonte: Bom Dia BrasilJornal ExtraTerra]

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Repatriação de craques brasileiros não agrada aos torcedores


Dia 11 desse mês, Ronaldinho Gaúcho oficializou seu retorno ao futebol brasileiro. Depois de conturbadas negociações entre seu agente e irmão, Assis, e os clubes Grêmio, Palmeiras e Flamengo, o craque finalmente assinou contrato com o time carioca, pondo fim às especulações em torno do assunto.
O contrato com o Flamengo vai até a Copa de 2014, pois como muitos outros astros do futebol, o jogador volta ao país com o objetivo de recuperar o bom futebol, já de olho em uma vaga na seleção brasileira.

Por isso quisemos saber em nossa última enquete:

“O que você acha dos jogadores brasileiros que fazem carreira em outros países e depois voltam pra cá?”.

-          695 (37,21%) Absurdo. Eles vão lá pra fora, ganham rios de dinheiro e voltam só quando já estão machucados ou sem tanto prestigio como antes.
-          626 (33,51%) Justo. Afinal, eles são profissionais e devem buscar emprego onde sejam melhor remunerados e onde tenham maior projeção.
-          375 (20,07%) Enquanto o futebol no Brasil continuar desorganizado e não for mais profissionalizado, esse é um problema que continuará ocorrendo.
-          172 (9,21%) Ótimo. É sempre bom ter nossos craques jogando aqui no Brasil, principalmente se for no meu time.

Com um total de 1868 votos, 37,21% dos participantes dizem ser um absurdo que os jogadores voltem para se recuperar no Brasil, após terem ganho rios de dinheiro. Em segundo lugar, 33,51% deles acham justo, já que como profissional eles devem fazer o melhor para suas carreiras. Já 20,07% culpam a desorganização do futebol brasileiro por tal situação. E 9,21% gostam do retorno de craques ao país.

O Flamengo, que ano retrasado, quando foi campeão brasileiro, tinha nomes de peso como Adriano e Vagner Love, também conta com o jogador Thiago Neves em seu elenco de 2011. Ainda compondo a lista dos craques repatriados , podemos citar Ronaldo e Roberto Carlos, do Corinthians, Fred, Deco e Emerson do Fluminense, Felipe, do Vasco e recentemente Rivaldo, do São Paulo.

Na nova enquete, o assunto é concurso público. Apesar do alto grau de dificuldade das provas, a procura por cargos públicos tem aumentado nos últimos anos. Você tem interesse em empregos desse tipo? Queremos saber sua opinião. Vote aqui!


[Fonte: Veja]

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Wallpapers TeleListas.net

Clique nas imagens para fazer o download.






terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Dia Internacional do Riso - Vamos rir mais?


Você se lembra da última vez que riu? Sem sequer nos darmos conta, rimos várias vezes ao dia. Pode ser por causa de uma piada, uma música, uma situação engraçada, embaraçosa ou simplesmente para cumprimentar o vizinho. A verdade é que difícil mesmo é acharmos um motivo para não rir. Até diante de algumas dificuldades, é muito difícil deixarmos de sorrir, nem que seja aquele de canto de boca ou o sorrisinho amarelo.

Quando rimos, movimentamos 12 músculos faciais; quando gargalhamos, são 24; e quando conversamos e gargalhamos simultaneamente, são 84. Além disso, o riso aumenta a produtividade, estimula a criatividade e afeta diversas outras partes do corpo, como o cérebro e o coração - dentre muitos outros benefícios. Por isso, alguns especialistas apontam para a eficácia da risoterapia na recuperação e cura de pessoas doentes.


No Brasil, há alguns grupos que usam o riso como método terapêutico. O mais conhecido é o  Doutores da Alegria. Trata-se de uma organização sem fins lucrativos que visita hospitais de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Belo Horizonte, levando alegria, através da arte do palhaço, às crianças internadas, aos seus pais e aos profissionais da saúde. Além do trabalho social nos hospitais, o grupo também oferece cursos em sua escola de palhaços para diferentes públicos.


Há também um grupo chamado Terapeutas do Riso, que assim como os Doutores da Alegria fazem visitas a hospitais com objetivo de levar um pouco de diversão aos pacientes das mais diferentes faixas etárias, incluindo idosos hospitalizados.  

Os integrantes são atores profissionais formados em teatro, artes circenses e música, que realizam um trabalho baseado em pesquisas constantes e qualificação contínua. Não se tratando, portanto, de um trabalho voluntário, mas de uma assistência especializada.

Eles unem o teatro, a música e as técnicas de circo para promover a humanização na saúde e a inclusão social, resgatando a autoestima dos pacientes. Além de contribuir no processo de cura de crianças e adultos hospitalizados, as visitas dos doutores distraem os doentes e os fazem esquecer a dor por alguns momentos, aliviando o sofrimento da internação.



Esses grupos são a prova inegável daquela velha frase:
" Rir é o melhor remédio".

Veja o que acontece com seu corpo quando você ri:

• Aumento da oxigenação - Em repouso, o coração tende a bater, em média, 70 vezes por minuto. Em alguns casos, quando rimos, chega a atingir 120 pulsações por minuto. Com o aumento dos batimentos, há também um maior fluxo sanguíneo pelo corpo, gerando maior oxigenação dos tecidos.
• O riso possui um efeito anti-inflamatório em suas juntas e ossos. Ele pode reduzir a inflamação e aliviar a dor em condições artríticas.
• A absorção de oxigênio pelos pulmões aumenta. Ao rirmos, inalamos mais ar, e a expiração fica mais forte. Com isso, há  uma maior ventilação pulmonar e eliminação do excesso de dióxido de carbono e de vapores residuais. Ou seja, os pulmões ficam mais limpos.
• Há uma redução da tensão muscular depois do riso.
• Melhoria da digestão: Os músculos mais trabalhados durante uma gargalhada são os abdominais. Os movimentos funcionam como uma espécie de massagem para o sistema gastrointestinal.
• Maior sensação de relaxamento e redução da dor: O cérebro e o corpo produzem betaendorfinas, analgésicos internos que ajudam no relaxar  e combatem a dor.
• As lágrimas passam a ter mais imunoglobulinas – um anticorpo que é a primeira linha de defesa contra algumas infecções virais e bacterianas.
• O cortisol, hormônio do estresse produzido pelas glândulas suprarrenais, é reduzido. O nível de cortisol aumenta de forma nociva durante o estresse e diminui significativamente com o riso.


Para saber mais sobre esses doutores, visite www.doutoresdaalegria.org.br e www.terapeutasdoriso.com.br.

Agora que você já sabe de todos os benefícios que o riso traz, que tal comemorar o dia de hoje com um bom filme de comédia e uma pipoquinha? No TeleListas.net, você encontra as locadoras mais próximas da sua casa.

Boas risadas pra você! :D

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Telefones Úteis - Região Serrana do Rio de Janeiro

Petrópolis


Bombeiros - 193 / 2237-1234

Defesa Civil - 199 / 2242-9281

Disque Denúncia - 2242-8005

Polícia Militar - 190 / 2242-2416

Pronto Socorro - 192 / 2237-4062

Prefeitura de Petrópolis - http://www.petropolis.rj.gov.br/

 

Hospitais

Rua Paulino Afonso, 455 - Petrópolis – RJ
Tel: (24) 2231-2599 | 2249-8153 | 2237-4062

Rua Santos Dumont, 100 - Petrópolis - RJ
PABX: (24) 2237-3616
 
Av Portugal, 274 - Petrópolis - RJ
Tel: (24) 2243-0793 | 2243-0796
 
Av Portugal, 236 - Valparaíso - Petrópolis - RJ
Tel: (24) 2237-4408 


Emissoras


Teresópolis


Bombeiro - 193

Polícia Civil - 190

Defesa Civil - 199

Polícia Militar – 190

Prefeitura de Teresópolis  http://teresopolis.rj.web.br.com/servicos/


Hospitais


Rua Júlio Rosa, 366 - Teresópolis - RJ
PABX: (21) 2643-5444

Av Delfim Moreira, 2211 - Vale Paraíso - Teresópolis - RJ
Tel: (21) 2741-4900

Rua Judith Maurício de Paula, 40
Itapemirim - Teresópolis - RJ
Tel: (21) 2741-4300

Rua Paulino Afonso, 455 - Petrópolis – RJ
Tel: (24) 2231-2599 | 2249-8153 | 2237-4062

Rua Judith Maurício de Paula, 40 – Itapemirim - Teresópolis - RJ
Tel: (21) 2741-4300

Rua Fancisco Sá, 330 Lj 11 – Várzea - Teresópolis – RJ
Tel: (21) 2643-3066


Emissoras


Nova Friburgo


Bombeiros (22) 2522-0193

Defesa Civil (22) 2525-9157 ou 199

Polícia Militar (22) 2523-4590

Banco de Sangue (22) 2523-9000 R:210

Prefeitura Municipal (22) 2525-9100

Prefeitura de Nova Friburgo http://www.pmnf.rj.gov.br/index.php 


Hospitais

Rua Gal Osório, 324 -Nova Friburgo – RJ
PABX: (22) 2523-9000

Av Antônio Mário Azevedo, 715 Km 1 - Campo do Coelho - Nova Friburgo - RJ
Tel: (22) 2525-9955

Rua Izelino Maduro, 900 - Chácara Paraíso - Nova Friburgo – RJ
Tel: (22) 2519-8088

Rua Prudente Morais, 60 - Vila Nova - Nova Friburgo – RJ
Tel: (22) 2528-9555

Av Júlio Antônio Thurler, 426 an 2 Olaria - Nova Friburgo – RJ
Tel: (22) 2522-8302


Emissoras



O site do Jornal Hoje, da Rede Globo, disponibilizou um canal para que os moradores das áreas atingidas possam dar notícias aos parentes em todo o Brasil. Confira aqui.


quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Ajude as vítimas das enchentes da Região Serrana do Rio


Nos últimos dias, a Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro vem sendo castigada por fortes chuvas, que provocaram alagamentos, deslizamentos de terra e muita destruição. As cidades mais afetadas foram Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo. Segundo informações das prefeituras locais, o número de vítimas fatais não para de crescer e, ao todo, já foram contabilizadas mais de 500 mortes.

Diversos bairros se encontram cobertos de lama ou ainda alagados, sem água, luz e telefone. Além disso, muitas famílias perderam suas casas e foram encaminhadas para abrigos. Voluntários e equipes de resgate continuam trabalhando para encontrar desaparecidos e auxiliando os desalojados.

Vários pontos de coleta de doações já estão em funcionamento. Dentre os itens mais necessários estão: água potável, alimentos, roupas, cobertores, colchonetes e itens de higiene pessoal (sabonete, pasta de dente, fraldas descartáveis etc.).

Quer ajudar? Veja como: 
 
Teresópolis:

A prefeitura da cidade abriu uma conta bancária exclusivamente para receber doações em dinheiro, de qualquer valor. A conta corrente, de nome “SOS Teresópolis - Donativos”, está disponível na agência 0741-2 do Banco do Brasil, com o número 110000-9.

Na cidade também foram montados postos de recolhimento de donativos:
- Posto central de atendimento (Ginásio Esportivo Pedro Jahara)
Rua Tenente Luiz Meirelles, número 211, bairro da Várzea- centro da cidade.

- Secretaria de Desenvolvimento Social
Av Alberto Torres, em frente ao Hospital São José, bairro do Alto.


Petrópolis:

Postos de recolhimentos de donativos na região de Itaipava:

- Centro de Cidadania de Itaipava
Estrada União da Indústria

- Igreja Wesleyana
Vale do Cuiabá

- Igreja de Santa Luzia
Estrada das Arcas

- Secretaria de Trabalho, Ação Social e Cidadania
Rua Aureliano Coutinho, número 81, centro da cidade.


Cruz Vermelha:

Unidades de recebimento de doações de alimentos, materiais de higiene pessoal e produtos de limpeza:

- Rio de Janeiro
Praça Cruz Vermelha, número 1012, centro

- Nova Iguaçu
Rua Coronel Bernardino de Melo, número 2085
Rua Alberto Cocoza, número 86, centro


A Cruz Vermelha também está recebendo doações para as vítimas das chuvas de outros estados do Brasil. Veja aqui os postos de coleta.


Polícia Militar:

A partir desta quinta (13), todos os batalhões do Estado do RJ estarão recebendo ajuda. Os itens arrecadados serão encaminhados ao 12º Batalhão da Polícia Militar de Niterói, de onde serão enviados para as áreas necessitadas.
São recomendadas doações de água mineral, alimentos não perecíveis e materiais de higiene pessoal.


Rodoviária:

A Rodoviária Novo Rio recebe doações para a Cruz Vermelha. Os donativos serão recebidos no piso de embarque inferior, das 9h às 17h.



O Programa de Voluntariado iniciou uma campanha de arrecadação de donativos (roupas e mantimentos) para a Região Serrana. As doações podem ser feitas na sede da instituição: Rua do Russel, 76 - Glória, RJ

Para maiores informações, entre em contato com:
(21) 2555-3750
(21) 2555-3785 


Metrô: 

A partir da próxima sexta-feira (14), 11 estações das linhas 1 e 2 do Metrô Rio receberão doações para os desabrigados da Região Serrana. Poderão ser doados até o dia 11 de fevereiro: água, alimentos não perecíveis e material de higiene pessoal. A campanha já recebeu a primeira doação, do próprio Metrô, de R$10 mil em mantimentos.

A coleta será feita nas seguintes estações:
Carioca 
Central
Largo do Machado
Catete, Glória
Ipanema/General Osório
Pavuna
Saens Peña
Botafogo
Nova América/Del Castilho
Siqueira Campos

Rodovias:

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também vai receber donativos a partir desta quinta-feira, em postos montados nas principais rodovias da região. Os donativos arrecadados serão entregues à Cruz Vermelha, que fará a distribuição.

Dois postos irão funcionar 24 horas:
- km 269 da BR-101, no trecho de Casimiro de Abreu.
- BR-101, no pedágio da Rio-Magé.


Outros três postos devem funcionar das 8h às 17h:
- km 109 da rodovia Washington Luís e na Presidente Dutra.
- km 133, próximo ao pedágio.
- km 227.


Supermercados:

Foram montados postos de coletas de donativos nas 100 lojas da rede Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro. As doações podem ser feitas nos supermercados Pão de Açúcar, ABC Compre Bem, Sendas, Extra Supermercados e Assaí. De acordo com a assessoria do grupo, o material será recolhido até o dia 26 de janeiro.


Doação de sangue

O Instituto Estadual de Hematologia do Rio de Janeiro (HemoRio) informou que precisa de cerca de 300 bolsas de sangue para enviar para a Região Serrana, a fim de atender as vítimas das chuvas. As doações podem ser feitas na sede do instituto ou em um dos 26 postos de coleta de sangue no Estado.

Sede HemoRio:
Rua Frei Caneca, 8 - Centro do Rio de Janeiro.
Horário de funcionamento - das 7h às 18h, todos os dias, inclusive aos sábados, domingos e feriados.

Para doar sangue é preciso ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos, estar bem de saúde e levar um documento oficial de identidade com foto. Entre a triagem e a doação, todo o processo leva cerca de uma hora.

O hemocentro oferece o 0800-282 0708 para mais informações, esclarecimento de dúvidas e agendamento de horário para a doação. 
Veja também o Twitter e o site do Hemorio.

Para saber mais sobre doação de sangue, veja nosso post Doe Sangue, Doe Vida.

[Fonte: G1IGTerra]

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Polêmica: houve plágio na logo das Olimpíadas Rio 2016?


Ano passado, a famosa queima de fogos de Copacabana, no Rio de Janeiro, não contou apenas com os shows musicais que acontecem nas areias da praia. No último dia de 2010, o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) resolveu incrementar a festa e apresentou a logomarca dos Jogos Olímpicos de 2016.

Apostando no sucesso da tecnologia da TV 3D, o design da logo - inspirada nas formas do Pão de Açúcar - mostra três pessoas se abraçando, com cores que remetem à bandeira brasileira.

O problema é que, logo no dia seguinte, começaram especulações sobre um possível plágio por parte da agência responsável pela criação do símbolo. Isso porque as semelhanças entre ele, o quadro “A dança”, do pintor Henri Matisse e a logo de uma fundação norte-americana, a Telluride Foundation, são muito grandes. Veja abaixo:
A Dança - Matisse
ONG Telluride Foundation
Logo das Olimpíadas Rio 2016

Com isso, pedimos sua opinião em nossa última enquete em torno da polêmica que se formou.


A logomarca das Olimpíadas Rio-2016 mal foi apresentada, e a polêmica já começou. Alguns levantam a hipótese de ter sido plagiada da logo da ONG Telluride Foundation e do quadro "A Dança", de Matisse. Qual sua opinião sobre isso?

-         335 (44,37%) Não sei, ainda não vi.
-         170 (22,52%) Há semelhanças entre as obras, mas não acho que tenha sido de propósito.
-         111 (14,70%) Pode até ter sido plágio, mas ainda assim gostei do resultado final.
-          100 (13,25%) Plágio ou não, não gostei da logo. Podiam ter feito algo melhor.
-         39 (5,17%) Com certeza plagiaram. As artes gráficas são muito iguais para ser só coincidência.


Com um total de 775 votos, a maioria dos participantes, 44,37%, não opinou a respeito, por ainda não ter visto a logomarca das Oimpíadas. Em segundo lugar, 22,52% deles veem semelhanças entre as obras, mas não acreditam ter sido de má fé. Enquanto isso, 14,70% dizem ter se importado mesmo com o resultado final satisfatório, independente de ter sido plágio ou não, e 13,25% não gostaram da logo. Por fim, 5,17% tem a certeza do plágio, uma vez que as artes são muito semelhantes para ser uma mera coincidência.

Após uma disputa com Madri, Tóquio e Chicago, o Rio de Janeiro foi escolhido para ser a cidade sede dos Jogos Olímpicos de 2016. A eleição ocorrida em 2009, fez do Rio a primeira cidade sul-americana a sediar uma Olimpíada. 


Assim, o Brasil tem a possibilidade de organizar dois eventos esportivos de visibilidade mundial, com a diferença de dois anos, - já que a Copa do Mundo será em 2014 - repetindo assim os feitos do México, Alemanha e EUA.

Diante dos muitos problemas estruturais da cidade, principalmente transporte e segurança, o Rio de Janeiro contou com o maior orçamento dentre as cidades finalistas, valor estipulado em R$ 25,9 bilhões, gastos estes que serão divididos entre os Governos Federal, Estadual e Municipal, além da iniciativa privada. 

E, falando em esportes, aproveitando a atual comoção em torno da volta do Ronaldinho Gaúcho para os gramados brasileiros, queremos saber: O que você acha dos jogadores que fazem carreira em outros países e depois voltam pro Brasil? Vote!

[Fonte:VejaEstimulaNet;Uol]

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Aproveite o verão esbanjando saúde e beleza

O verão já chegou com tudo, e a estação mais quente do ano é uma das mais esperadas. Em tempo de férias escolares e preparativos para o carnaval, as pessoas aproveitam para pegar um bronzeado e se divertir nas praias e piscinas.
 
No verão, até os ânimos mudam. As roupas ficam mais leves e coloridas, as pessoas, mais animadas e o dia, mais longo. Enfim, tudo conspira para um ambiente mais agradável. Por isso, a estação é sempre bem-vinda; mas não podemos esquecer que, principalmente nesse período, devemos ter cuidados especiais com a pele, cabelos e alimentação

Quer saber como? Confira nossas dicas:

- A maioria dos brasileiros gosta de pegar uma corzinha, né? Mas bom mesmo é conseguir isso sem riscos.  


Fez aquele sol, e você está louco(a) para aproveitar e sair morenaço (a) da praia ou do clube? Pois então, saiba que ficar muito tempo exposto ao Sol em um mesmo dia não vai ajudar! Isso só causará queimaduras, além de ser um fator de risco para o desenvolvimento de câncer de pele.

É melhor ir à praia mais, por um tempo reduzido (de preferência, antes das 10h e depois das 16h), do que ir um dia só durante várias horas.

Quando for pegar sol, use filtro solar de acordo com seu tom de pele (para pessoas de pele clara, o mínimo indicado é o FPS 30), reaplicando-o após cada mergulho.

Uma outra dica é fazer a esfoliação da pele pelo menos três dias antes de pegar sol, para que haja uma renovação celular - o que deixa a pele mais lisa, macia e garante um bronzeado uniforme e duradouro.


- O filtro solar não é só para a praia/ piscina.



Todos os dias estamos expostos ao sol. Nem mesmo na sombra ou nos dias nublados estamos livres dos efeitos dele, já que seus raios atravessam as nuvens e também são refletidos pela areia e pelo concreto.  Mesmo assim, sempre que possível, caminhe pela sombra ou por lugares mais frescos - quanto menor for a exposição desnecessária ao sol, melhor.

Os dermatologistas recomendam que se use filtro solar diariamente no corpo e, principalmente, no rosto - onde o fator de proteção deve ser maior. Reaplique o protetor a cada 2 horas ou de acordo com sua transpiração. Outra forma de  se prevenir contra os efeitos nocivos do Sol é a utilização de chapéus e óculos com proteção UV.

- Pele fresca e hidratada.


Devido ao calor dessa época, costumamos transpirar mais e, com isso, perder muita água corporal. Para repor o que foi perdido, beba bastante líquido, evitando bebidas com cafeína, álcool ou muito açúcar. Dê preferência à boa e refrescante água. Outra excelente pedida para os dias de praia é a água de coco que, além de deliciosa, ainda é rica em sais minerais, carboidratos, proteínas, fibras e vitaminas.

Para manter o corpo sempre fresquinho, use roupas mais folgadas, feitas com tecidos leves e claros para facilitar a transpiração. Além disso, sempre que puder, lave rosto, nuca, braços e mãos. Isso vai ajudar a diminuir um pouco a temperatura do seu corpo e ainda acabar com a sensação desconfortável do suor na pele.

- Não descuide das madeixas.

 

No verão, não é só a pele que sofre com o Sol e o calor intenso; os cabelos também precisam de cuidados especiais. Eles perdem água e proteínas devido às agressão causadas pelo Sol, vento, cloro e água do mar. Mas não utilize produtos destinados ao corpo nos cabelos, pois além de não funcionar, ainda pode deixá-los mais oleosos.

Para isso, existem as  diversas linhas de tratamentos capilares destinadas ao verão; e, ainda que especialistas afirmem não saber muito bem o funcionamento do FSP nos fios, não custa nada usar cremes para cabelo que possuam filtro solar, ou os destinados ao pós–sol. Na dúvida, use os produtos que combinem hidratante e filtro.


Quando for à praia, não se esqueça de lavar os cabelos com água doce após o banho de mar. Aplique creme e desembarace com um pente de dentes largos. Reaplique o produto sempre que mergulhar de novo.

Se combinar com seu rosto e sua personalidade, opte por manter o cabelo mais curto: além de facilitar sua vida, dará uma sensação maior de frescor. Caso prefira cabelos longos, nos dias mais abafados, abuse dos penteados presos. Tente fazê-los de forma mais natural, assim, o visual ficará despojado. Tranças, coques, rabos-de-cavalo - vale tudo para atenuar a sensação de calor e continuar com um look de arrasar.

Os cabelos tingidos e com química sofrem ainda mais. Então, uma boa dica  dos cabeleireiros para proteger as madeixas coloridas é usar xampus à base de silicone e ceramidas, que formam uma camada protetora e preservam a cor. Tome muito cuidado com o cloro, porque ele pode reagir com a química ou com o tonalizante, provocando ressecamento profundo e, em casos extremos, deixando uma coloração esverdeada.


-  Tenha uma alimentação saudável e balanceada. 



Devido à temperatura, algumas pessoas se sentem mais indispostas para comer no verão, enquanto outras engatam dietas para perder uns quilinhos e chegar bem ao carnaval. Mas nada disso é desculpa para descuidar da alimentação.

Comer pouco não significa comer bem. Ainda mais no verão, quando precisamos modificar alguns hábitos alimentares para repôr os nutrientes, sais  minerais e água que perdemos com facilidade - e sem ganhar uns quilinhos a mais. 

Refeições leves são sempre a melhor opção. Substitua alimentos gordurosos e frituras por frutas, verduras, legumes, folhas verdes, cereais  e pães integrais, carnes magras, queijos menos gordurosos, sobremesas à base de frutas e muitos, muitos líquidos. 

Não deixe de comer por um período muito longo. Segundo os nutricionistas, é preferível comer mais vezes, em menor quantidade. 

Preste atenção ao consumir alimentos perecíveis, principalmente, os que são à base de leite. Se não forem armazenados da forma correta, especialmente no que diz respeito à temperatura, podem causar intoxicação alimentar

Siga essas dicas e aproveite ao máximo tudo que o verão tem a oferecer!

Fontes: [Folha UolSite MédicoTerraNew, Bem Simples]